sexta-feira, 4 de abril de 2014

Nova diretoria do Centro Espírita Semente Cristã

A diretoria do Centro Espírita Semente Cristã comunica aos companheiros de ideal espírita que no dia 24 de março de 2014, foi realizada reunião com os associados para eleição de sua nova diretoria para o triênio 2014/2017, ficando assim constituída:

Presidente: Jessé Cardoso Araújo
Vice-presidente: Francisca Maria Duarte
1ª Secretária: Cacilda Maria Lima de Araújo
2ª Secretária: Maria de Lourdes Alves Batista
Tesoureiro: Luiz Carlos Gonçalves dos Santos Júnior


sexta-feira, 21 de março de 2014

Começa em Parnaíba dia 29 de março a Semana Espírita Chico Xavier


A Semana Espírita Chico Xavier, com programação que homenageia o saudoso médium espírita, terá como tema: Chico Xavier - O Mensageiro do Evangelho.
Anualmente, na primeira semana de abril, a programação é realizada nas casas espíritas de Parnaíba, de forma a contemplar a data de aniversário de nascimento de Chico Xavier, conforme cartaz abaixo.
A programação é uma realização da UME - União Municipal Espírita.


Juventude Interrompida - Relatos e Alertas de Jovens no Além


Juventude Interrompida - obra composta essencialmente por mensagens de 24 jovens desencarnados. A maioria dos relatos destaca um retorno ao mundo espiritual antes do tempo previsto, no planejamento reencarnatório desses espíritos. Apenas três relatos descreveram que a morte, durante a juventude, estava prevista e era parte de um processo educativo para esses jovens e suas famílias.

Temas atuais como, aborto, transtornos alimentares e de imagem corporal, suicídio, acidentes, fatalidades, violência doméstica e uso de drogas, são abordados de acordo com a visão de jovens que desencarnaram precocemente, vítimas de si mesmos. 


Cada tema e relato é analisado por estudiosos e por educadores da infância e da Juventude. de forma a afirmar a grandiosa oportunidade de crescimento, maturidade e progresso que a juventude propicia, à luz do conhecimento espírita.


Perfeito para os grupo de Mocidades Espíritas.

sábado, 1 de fevereiro de 2014

Inquietude


Meus irmãos,

O mundo adoece e seus caminhantes depositários da doença do século, não se apercebem. Cada vez mais os filhos de Deus atrasam seus compromissos com o progresso pessoal e coletivo. Como as pessoas vivem ansiosas e como o mundo se agita num complexo grandioso de ansiedades.

A movimentação dos corpos, a inquietação da mente, os distúrbios da espera gananciosa pelos bens materiais, gerando aflições, choro e dissabores. Há inquietação demasiada no mundo, no grande mundo, assim como no lar.

As pessoas têm esquecido de comungar seu espírito com a paz, ter um momento de sossego consigo mesmo, de relaxar e meditar para poderem apaziguar essa ansiedade que é consumista e deteriorante.

A ânsia de ganhar mais e mais dinheiro, mesmo que para isso tenha que passar por cima de muitos, sem piedade, gerando as múltiplas formas de corrupção que vemos mundo a fora, favorecendo a miséria, a violência, as guerrilhas e outros tantos infortúnios.

A ansiedade de ter o carro do ano, a casa mais bonita, as roupas chiques, mesmo que isto lhes custe a estabilidade emocional e lhes tira as noites de sono, e questiono se vale a pena.

Tenhamos naturalidade em viver, com as possibilidades e experiências que nos são ofertadas, não precisamos forçar nada para a o encontro da felicidade. Por isso a humanidade caminha tão trôpega de bem estar interno.
Ser, o espírito anseia, sim, por ser amor, alegria, sensatez, equilíbrio, paz e prosperidade  entre tantas outras necessidades da alma.

Amados irmãos, não vos inquieteis com o dia de amanhã, há tanto tempo o Cristo nos alertou para a sublime postura que devemos adotar para termos uma vida confortável em nós mesmos. Sejamos responsáveis, trabalhando e dividindo, estudando e aprendendo com a vida. A cada dia o seu tempo.

Irmão, sejamos coerentes, a ânsia gera insegurança, medo e perdas. Confiem e sigam com o bastante que cada um tem para exercitar agora as tarefas necessárias para o progresso espiritual de todos. A maior riqueza está dentro de vocês!

Fé em Jesus,

Paz em Deus.

Pelo espírito Miguel


Mensagem recebida em reunião mediúnica na noite do dia 30 de janeiro de 2014, no Centro Espírita Semente Cristã. 

sábado, 21 de dezembro de 2013

Obra Vida e Sexo será tema de palestras no 1º semestre de 2014




Em 2014, a obra "Vida e Sexo" do Espírito Emmanuel, psicografada pelo médium Chico Xavier, de saudosa memória, será tema das palestras de terça-feira, no Centro Espírita Semente Cristã.

A obra foi psicografada há 43 anos e, segundo informa Emmanuel no início da obra: "Que os problemas do sexo agitam atualmente vastos setores da vida humana, é incontestável. De que forma, porém, as teses do sexo são tratadas do Plano Espiritual para o Plano Terrestre? Semelhante indagação, repetidamente endereçada a nós outros - pequenos servidores desencarnados -, motivou a formação do despretensioso volume que oferecemos aqui aos leitores amigos".

Dessa forma, a obra será estudada e cada capítulo será repassada ao público, às terça-feira, durante o primeiro semestre de 2014. Apenas uma pequena intercalação, no dia 1º de abril, por ocasião da Semana Espírita Chico Xavier.

07.01 – Em torno do sexo – Dora

14.01 – Família - Cacilda

21.01 – Namoro - Rosete

28.01 – Ambiente doméstico - Francisca

04.02 – Energia sexual - Ramon

11.02 – Compromisso afetivo - Magalhães

18.02 – Casamento - Heliodório

25.02 – Divórcio - Dora

04.03 – União infeliz - Cacilda

11.03 – Filhos - Rosete

18.03 – Alterações afetivas - Francisca

25.03 – Desajustes - Ramon

01.04 – Chico Xavier: Mediunidade a serviço do Bem - Magalhães

08.04 – Tédio no Lar - Heliodório

15.04 – Vinculações e desvinculações - Dora

22.04 – Aversões - Cacilda

29.04 – Aborto - Rosete

06.05 – Pais e filhos - Francisca

13.05 – Amor livre - Ramon

20.05 – Controle sexual - Magalhães

27.05 – Homossexualidade - Dora

03.06 – Adultério e prostituição - Heliodório

10.06 – Abstinência e celibato - Cacilda

17.06 – Carga erótica - Rosete

24.06 – Sexo e religião/À margem do sexo - Francisca

Não Falta - Mensagem do livro - Pão Nosso




“E, se os deixar ir em jejum para suas casas, desfalecerão no caminho, porque alguns deles vieram de longe.” — Jesus. (MARCOS, CAPÍTULO 8, VERSÍCULO 3.)


A preocupação de Jesus pela multidão necessitada continua viva, através do tempo.

Quantas escolas religiosas palpitam no seio das nações, ao influxo do amor providencial do Mestre Divino?

Pode haver homens perversos e desesperados que perseveram na malícia e na negação, mas não se vê coletividade sem o socorro da fé. Os próprios selvagens recebem postos de assistência do Senhor, naturalmente de acordo com a rusticidade de suas interpretações primitivistas. Não falta alimento do céu às criaturas. Se alguns espíritos se declaram descrentes da Paternidade de Deus, é que se encontram incapazes ou enfermos pelas ruínas interiores a que se entregaram.

Jesus manifesta invariável preocupação em nutrir o espírito dos tutelados, através de mil modos diferentes, desde a taba do indígena às catedrais das grandes metrópoles.

Nesses postos de socorro sublime, o homem aprende, em esforço gradativo, a alimentar-se espiritualmente, até trazer a igreja ao próprio lar, transportando-a do santuário doméstico para o recinto do próprio coração.

Pouca gente medita na infinita misericórdia que serve, no mundo, à mesa edificante das ideias religiosas.

Inclina-se o Mestre ao bem de todos os homens. Cheio de abnegação e amor sabe alimentar, com recursos específicos, o ignorante e o sábio, o indagador e o crente, o revoltado e o infeliz.

Mais que ninguém, compreende Jesus que, de outro modo, as criaturas cairiam, exaustas, nos imensos despenhadeiros que marginam a senda evolutiva.

sábado, 5 de outubro de 2013

Sábado é dia de palestra no Centro Espírita Semente Cristã.

Começa neste sábado (5), a programação de palestras no horário de 17:00h no Centro Espírita Semente Cristã. 

O novo horário oportuniza a frequência de pessoas que não podem participar da programação realizada durante a semana no horário noturno.